Empresária natalense reage a assalto com golpe de Jiu-jitsu ‘mata-leão’ e rende a mulher que tenta levar sua bolsa


mata leaoUma empresária, que teve a identidade preservada, foi alvo de uma tentativa de assalto na noite da última sexta, 20, no estacionamento do Norte Shopping, zona Norte.

Uma Mulher, com um revólver e um punhal, anunciou o assalto e tentou levar a bolsa da vítima, mas, inesperadamente, acabou sendo rendida por ela com um golpe de Jiu-jitsu, conhecido como “mata-leão”.

A vítima foi abordada pela assaltante no momento que saia do carro, quando chegava no shopping.

A polícia foi chamada e a mulher foi conduzida a delegacia. A assaltante foi identificada como Kátia Cilene dos Santos Souza, de 33 anos. Ela está desempregada e é mãe de cinco filhos, segundo informações da PM.

O golpe mata-leão pode deixar a vítima inconsciente

Em japonês ele se chama Hadaka Jime (裸絞).

No Brasil foi adotado como Mata-Leão.

Consiste num golpe de estrangulamento usado nas artes marciais japonesas, realizada pelas costas do oponente. É original do grupo de técnicas do jiu-jitsu e judô, conhecido como shime waza.

O enforcamento possui duas variantes: em uma versão, o braço do atacante envolve o pescoço do oponente, sendo seguro pelos seus biceps do outro braço; na segunda versão o atacante usa a mão no lugar do biceps no pescoço do oponente.

Esse golpe esta na categoria dos “Enforcamentos de sangue” pois restringe a circulação do sangue pelas artérias. Quando feito corretamente, causa inconsciência temporária por alguns segundos.

Passo 1: O braço direito do atacante envolve o pescoço do adversário, com traquéia do adversário na dobra do cotovelo.

Passo 2: A mão direita do atacante, em seguida, agarra seu braço esquerdo próprio superior (bíceps).

Passo 3: A mão esquerda é colocada por trás (ou ocasionalmente em cima da) cabeça do oponente.

Passo 4: Os cotovelos são, então, reunidos para fazer pressão nas laterais.