Notícia triste! O mundo deve estar preparado para uma grande despedida.


Michael Schumacher sofreu um acidente quando esquiava nos Alpes Franceses, em Meribel, em dezembro de 2013. Ele bateu a cabeça e desde então está em coma profundo.


Seus familiares estão vivendo um drama e fazendo de tudo para que ele se recupere, desembolsando R$ 1,5 milhão por mês no tratamento.

Jornais europeus começam a ficar pessimistas em relação ao futuro do ex-campeão mundial de F-1, Michael Schumacher.

Gary Harstein, ex-delegado médico da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), afirmou que está preocupado.

— À medida que passa o tempo fica menos provável que Schumacher possa apresentar uma evolução significativa.

A opinião do médico Harstein, deixa aberta uma possibilidade triste. Ele diz que o mundo deve estar preparado para uma “grande despedida da maior estrela do automobilismo”

Michael Schumacher já perdeu 25% de seu peso e o aumento gradativo desta perda está deixando especialistas preocupados.

Fonte: Newsbrass