Ministério Público abre investigação contra ex-prefeitos de Acari por doação ilegal de terreno público

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, através da Promotoria de Justiça da Comarca de Acari, instaurou inquérito civil (nº 014/2015) com o objetivo de apurar suposto ato de improbidade administrativa praticado pelos ex-prefeitos municipais de Acari, Maria Salésia Fernandes, Juarez Bezerra de Medeiros (Dr. Juarez) e Antônio Carlos Fernandes de Medeiros (Tom), por terem doado terreno municipal legalmente desapropriado para particulares.

Na publicação do inquérito no Diário Oficial do RN, feita nesta sexta-feira (10) pelo promotor de Justiça substituto, Mariano Paganini Lauria, é mencionado um terreno desapropriado pela Prefeitura Municipal de Acari para construção de uma pocilga comunitária, que no final das contas teria sido ilegalmente cedido/doado a pessoas físicas para construção de casas, currais, etc.

Clique aqui para saber mais.