Restos mortais estão reaparecendo no antigo cemitério submerso, em São Rafael



São Rafael antiga, como muitos falam, há anos ficou submersa para dá lugar a Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, na época as famílias que ali residiam teriam sido remanejadas para a atual São Rafael e recebido residências de acordo com a que possuíam na antiga cidade. Do cemitério, restos mortais , segundo o DNOCS ( Departamento Nacional de Obras Contra as Secas) todos, haviam sido retirados e depositados em pequenas tumbas no cemitério atual.


Com a seca que assola a região ruínas da cidade e o cemitério emergiram e para a surpresa de todos, juntamente com as paredes e catacumbas que estão à vista, restos mortais começaram a ser encontrados.
São Rafael uma história de sonhos que ficou submersa com as promessas de uma vida melhor , agora vive esse desrespeito com os restos mortais de seus antigos moradores que foram obrigados a serem submergidos com as águas que sucumbiram a cidade antiga. Uma história, um sonho inundado e uma falha de informação pregada pelo DNOCS na época, pode desencadear uma pilha de ações de DNA.

De um modo geral chega a ser inacreditável tal acontecimento; para uns desrespeito, para outros a “confirmação” que faltava para dá vida à imaginação das pessoas que afirmam ter presenciado algum fato sobrenatural no local onde existia a cidade. Um caso de Justiça, de polícia ou mais um caso que cairá no esquecimento e se configurará em mais um conto da cidade.
Resta agora aguardar os próximos dias.