Brasileiro usa Fusca para construir uma "Ferrari"

Soldador do Espírito Santo fez carro até com peças da Itália (Foto: Wing Costa/ Gazeta Online)

Depois de sete anos de trabalho e um investimento de cerca de R$ 130 mil, o soldador Jonecir Fabres, conhecido como Jonas, realizou o sonho de construir uma réplica do carro utilizado pela Ferrari nas corridas de Fórmula 1 em 1998, 1999 e 2000.

Morador de Alfredo Chaves, no Sul do Espírito Santo, o mecânico expôs a obra de arte nos últimos sábado (25) e domingo (26), na Festa do Caminhoneiro, em Cariacica.

“Eu fiz isso porque sou fã de Ayrton Senna. Acho que ele plantou uma semente linda com o trabalho que fez. por isso decidi fazer uma réplica de um F1, pois gosto do esporte”, falou.

Senna nunca disputou um campeonato de Fórmula 1 pela Ferrari, mas sonhava em encerrar a carreia na escuderia italiana.

Para construir o carro, Jonas usou a base de um Fusca, motor Volkswagen AP 2.2, mas as peças de destaque foram adquiridas depois de muita procura. “O volante é uma réplica que veio de Milão, na Itália, e custou quase R$ 4 mil”, contou.

Jonas construiu Ferrari em sete anos de trabalho (Foto: Wing Costa/ Gazeta Online)

Quanto aos pneus, Jonas teve que tentar a sorte no autódromo de Interlagos, em São Paulo. “Eu cheguei lá procurando os pneus da Ferrari. Mostrei as fotos do meu carro, eles viram todo o trabalho que eu tive e acabaram me dando os quatro pneus. Dei muita sorte”, disse o soldador.

O carro ainda não está apto para circular, mas, depois dos últimos ajustes, Jonas contou que vai poder atingir uma velocidade de até 250 km/h. A potência do veículo, que pesa 600 quilos, é de 350 cavalos.

Sobre a possível venda da 'Ferrari', Jonas falou que ainda não pensa na hipótese, mas que já recebeu muitas ofertas altas. “Por enquanto, vou só expor o carro. Mas já chegaram a me oferecer R$1 milhão. Para mim, é muito dinheiro, mas, pela obra de arte, pelo trabalho de sete anos, eu acho que vale muito mais”, afirmou.

G1